unicef mozambique
magnum photos

DEMASIADO JOVEM PARA CASAR

Fotografia de Eli Reed


TOO YOUNG TO MARRY

“Eu acho que todas nós devemos esperar o momento certo, pelo menos até aos nossos 20 anos, antes de engravidar.”
- Alice Velemo Nhancume, 15 anos, mãe de bebé de 4-meses de idade


O casamento prematuro é uma forma de violência. Em Moçambique, mais de metade das meninas são casadas antes de completar 18 anos.

Os relatórios confirmam que 38 % das adolescentes já são mães ou estão grávidas do seu primeiro filho. Na escola, não é incomum para os professores darem notas de passagem, em troca de favores sexuais. Silenciadas pelo medo e sem saberem onde ou como procurar ajuda, as raparigas muitas vezes abandonam a escola.

Em Moçambique, as comunidades muitas vezes aceitam o abuso de crianças e prevalece uma cultura do silêncio. Relatos são mínimos, com o abuso sexual, por exemplo, normalmente resolvido ao nível do seio familiar ou da comunidade, impedindo que os autores sejam levados à justiça ou encarcerados. As próprias crianças vítimas raramente têm acesso à saúde adequada e serviços sociais.

Tudo isso vai ter que mudar.

Na luta contra o casamento prematuro, o UNICEF está a ajudar as crianças a ter o acesso à assistência jurídica e médica, está a participar na formação de professores, médicos, agentes da polícia e magistrados judiciais, e na conscientização nas escolas, grupos religiosos e rádios comunitárias.

Mas, ainda há muito a ser feito, urgentemente, do lado da resposta. Urge intervenções que ajudem a aumentar o julgamento no sistema de justiça, mais casos de violência contra a criança, de modo que eles sejam devidamente julgados em sede de tribunais.

 

Watch Photofilm

 

COMO INCLUÍR "DEMASIADO JOVEM PARA CASAR" NO SEU WEBSITE

Copy/Paste o texto em baixo no seu blog/website:

<iframe src="http://www.rights.org.mz/pt/embed/protection.html" frameborder="0"></iframe>

Too Young To Marry - the child marriage challenge in Mozambique
Read Story
Watch Photofilm